• Home
  • Blog
  • Dicas
  • Atenuador de potência Loadbox Pedrone - Teste de atenuação

Atenuador de potência Loadbox Pedrone - Teste de atenuação

atenuador de potencia loadbox pedrone insideHá muito tempo venho subutilizando meu amplificador simplesmente porque a potência do amplificador não permite sua utilização adequada dentro de minha residência.
Com a compra do atenuador isto mudou e agora posso utilizá-lo diariamente, no entanto, me ocorreu a dúvida de qual seria a atenuação em decibéis que estava realmente ocorrendo e por isto resolvi realizar este teste que eu espero servir de ajuda para aqueles que tem enfrentado a mesma situação.

Não testei ainda a saída "line out" que permite a realização de gravação de audio silenciosa ou mesmo quando em situações ao vivo, conectar diretamente na mesa. É importante observar que na saída "line out" você não terá a característica sonora do seu gabinete (speaker) e será fundamental ter algum tipo se simulação de caixa seja ela análoga ou digital.

Para realizar este teste gravei um loop de 4 compassos sem nenhum efeito para que a amostra de som na entrada do amplificador fosse sempre a mesma.


decibelimetro para androidUtilizei um aplicativo de decibelímetro para o sistema operacional android em meu telefone, que embora não seja preciso como um decibelímetro de verdade, serve como uma referência razoável para uma análise sem muito compromisso.

Quando se utiliza um loadbox é muito importante observar a sua correta conexão, já que se o amplificador for ligado sem um auto-falante conectado a ele, você irá danificá-lo.
A conexão é muito simples mas requer atenção e para facilitar o Pedrone fornece juntamente com o produto um cabo de caixa (speaker cable) de ótima qualidade.

 

Clique para ampliar as imagens do atenuador

atenuador de potencia loadbox pedrone frenteatenuador de potencia loadbox pedrone trazeiraatenuador de potencia loadbox pedrone top

 

mesa boogie markIII painel frontal

Meu amplificador é um Mesa/Boogie Mark III e possui dois modos, sendo o modo Simul/Class com 100W e o Class A com 60W.
Na foto ao lado é possível ver a regulagem do amplificador utilizada neste teste.
Observem que a equalização está bastante neutra, o volume está no 5 e o master em apenas 2.

Acredito que os resultados poderão variar muito dependendo de como regulamos a equalização e quanto abrimos o master do amplificador, mas como o teste foi feito em um ambiente pequeno em meu apartamento, este era o cenário possível.

Vamos aos resultados:
Obs.: Foram anotadas somente as leituras dos picos de intensidade.

Mesa/Boogie Mark III - Modo Simul Class 100W

- Full power ( sem o atenuador ) - 97 dB
- Resultado no 1º estágio - 85 dB
- Resultado no 2º estágio - 83 dB
- Resultado no 3º estágio - 81 dB
- Resultado no 4º estágio - 79 dB
- Resultado no 5º estágio - 76 dB
- Resultado no 6º estágio - 71 dB
- Resultado no 7º estágio - 62 dB
- Resultado no 8º estágio - sem som (Loadbox)

Mesa/Boogie Mark III - Modo Class A 60W

- Full power ( sem o atenuador ) - 93 dB
- Resultado no 1º estágio - 80 dB
- Resultado no 2º estágio - 79 dB
- Resultado no 3º estágio - 77 dB
- Resultado no 4º estágio - 75 dB
- Resultado no 5º estágio - 72 dB
- Resultado no 6º estágio - 68 dB
- Resultado no 7º estágio - 59 dB
- Resultado no 8º estágio - sem som (Loadbox)

O atenuador me permite tocar durante o dia sem incomodar os vizinhos utilizando o amplificador em seu modo de 100W, com o master no 2 e no estágio 1 de atenuação.
Em períodos noturnos tenho ainda o modo de 60W e outros 7 estágios estágios de atenuação para domar o amplificador.

Resta agora testar o atenuador (Loadbox) em gravação de audio e performances ao vivo mas isto ficará para uma outra oportunidade.

Rogério Couto


Tags: Guitarra, Amplificadores, Equipamento, Timbre, Rogerio Couto, Pedrone, Gravacao de audio, Pedrone Amplificadores, Loadbox, Atenuador de Potência, Mesa/Boogie, Mark III